Quarta-feira, 17 de Setembro de 2008

Compatibilidade de Casais - O que é esta leitura?

Recorrentemente chegam-me e-mails a perguntar o que é esta leitura e para que se destina. Aqui vos deixo um texto explicativo do que consiste esta leitura.

 

À primeira vista pode parecer algo simples, dedicado a quem inicia uma relação (ou que tenciona iniciar uma). No entanto, esta leitura é bastante mais complexa que isso. Na Tarot das deusas - Afroditeverdade, esta é uma "radiografia" completa a uma relação seja ela recente ou antigo.

 

O processo é relativamente simples. Faz-se uma leitura para um dos membros da relação e depois para o outro, usando dois baralhos diferentes. Essas leituras depois são comparadas e as histórias cruzadas. Vemos pontos de convergência, divergência. Um período de solidão de um de encontro com uma passagem indicando uma viagem do outro.

 

Esta leitura é muito importante para percebermos, no tempo, o desenrolar da relação. Seja no futuro ou no passado. Baseado nessa leitura (base e principal) são feitas outras leituras (com mais um baralho) para alturas, acontecimentos ou situações que terão acontecido ou que estarão para acontecer.

 

Este método, com raízes na cultura Celta, apresenta uma história conjunta em profundidade e é considerada de extrema dificuldade.

 

--------------------------------------------------------

Contacte-me hoje mesmo e tenha a sua consulta de Tarot através do e-mail:

nyydia@gmail.com

--------------------------------------------------------

publicado por Zen às 20:42
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 16 de Setembro de 2008

Como pode o Tarot DE FACTO ajudar-me?

Quando feito tradicionalmente, uma leitura de cartas de Tarot pode colocar tudo em perspectiva de uma forma clara para que a possamos entender claramente. Qualquer leitura de Tarot tem como origem uma pergunta, que quem pede a consulta faz, que nem sequer precisa de revelar a quem está a ler.

 

Cada carta estará ligada a elementos do passado, presente ou futuro e, com a ajuda de quem está a a fazer a consulta de Tarot, trará luz à questão que a leva à mesa.

 

Quer acredite ou não em coisas espirituais ou esotéricas, ou até mesmo na arte de prever o futuro, o Tarot ajuda a entender os seus pensamentos e questões. Por vezes, simplesmente, levantando alertas e mostrando situações que até então poderiam ter passadas despercebidas.

 

Descobrirá padrões potencialmente perigosos na sua vida e trará uma melhor entendimento de si mesma. Até mesmo a forma como coloca as perguntas pode ser alvo de estudo e, nesse campo, quem lhe está a facilitar a leitura poderá ajuda-lá em muito.

 

O Tarot é muito mais que uma ferramenta para prever o futuro. É uma forma de entendermos o nosso passado e presente, de prestarmos atenção a pormenores que poderão nos ter passado despercebidos. Até mesmo uma ferramenta de descoberta pessoal.

 

 

--------------------------------------------------------

Contacte-me hoje mesmo e tenha a sua consulta de Tarot através do e-mail:

nyydia@gmail.com

--------------------------------------------------------

publicado por Zen às 00:59
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Setembro de 2008

Interpretar uma única carta num lançamento - 4 pontos fundamentais

Quando interpreto uma leitura, ando muitas vezes para trás e para a frente sentindo as energias das cartas no seu todo, bem como sentindo a sua energia individual. Estas duas abordagens completam-se mutuamente.

cartas do tarot num lançamentoEstas são as quatro fontes de significado:

1. A primeira fonte é a resposta única baseada no ambiente envolvente a quem consulta o Tarot. As cartas juntamente com o estado de espírito do consulente trazem significado pessoal e fresco.

2. A segunda fonte é o significado acumulado pela experiência da Taróloga (ou Tarólogo) ao longo da sua experiência. Aqui varia muita da experiência e dos professores e Mestres ao longo do caminho.

3. A terceira é o conhecimento associado à posição da carta no lançamento. Esta fonte é também baseada em convenção e experiência comum.

4. A quarta e última é a própria pergunta e as circunstâncias que trazem a consulente à consulta.

Estes elementos servem de estrutura à leitura. Estabelece os limites e as margens da leitura de forma a que a energia transmitida no acto do lançamento não se disperse.

publicado por Zen às 22:25
link do post | comentar | favorito

.posts recentes

. Uma pequena satisfação.

. Uma pequena oração

. Carta da semana: Rei de C...

. Especial Halloween - Um l...

. A responsabilidade de ser...

. Balança e o seu Anjo prot...

. Novo curso de leitura de ...

. O lançamento das 3 cartas

. Leitura de Tarot para o A...

. Aprender a desculpar. Com...

.arquivos

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Junho 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Dezembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

.tags

. todas as tags

.links

.subscrever feeds